Liberty Portugal absorvida por Espanha

Liberty Portugal absorvida por Espanha

Os americanos da Liberty vão deixar de estar directamente em Portugal. A empresa de direito nacional que existe actualmente vai passar a sucursal dependente de Madrid, onde estará junta aos activos irlandeses. O presidente, José de Sousa, saiu de funções.

A presença da Liberty em Portugal vai passar a ser feita através de urna sucursal de Espanha. A seguradora a operar em território nacional, sob a forma dc uma instituição autónoma, será absorvida pela congénere espanhola. O projecto de fusão data de l6 de Maio. E, entretanto, O presidente da companhia, José dc Sousa, deixou o cargo.
“Após ter considerado diversas propostas, o grupo pretende agora consolidar as suas plataformas irlandesas,
portuguesa e espanhola dc comercialização de seguros na Europa”„justifica o projecto de fusão comum disponibilizado no site da companhia, que pertence ao grupo sediado em Boston, EUA. Segundo o documento, “o grupo pretende levar a cabo uma reestruturação intra-grupo, nos termos da qual a [espanhola] Liberty Seguros
irá absorver a Liberty Portugal no âmbito de uma fusão transfronteiriça. Além disso, e em simultâneo com a fusão, a Liberty Seguros irá absorvera Liberty Insurance Designated Activity Company, urna empresa de seguros irlandesa que integra o grupo, no âmbito de uma fusão transfronteiriça”. Na prática, Espanha passará a ser o centro das operações da companhia destes três mercados. O grupo acredita que a “estrutura simplificada conduzirá a sinergias
operacionais e à diminuição da complexidade administrativa e regulatória”, bem como facilitará “tirar vantagem das significativas infraestruturas que o grupo estabeleceu em Espanha para servir as necessidades dos seus clientes”.

Activo de 822 milhões
Liberty Portugal tem um activo de 822 milhões de euros brutos (798 milhões líquidos) e uni passivo de 642 milhões. A sua passagem para Madrid, por via da fusão, não “merece qualquer reparo” por parte do conselho fiscal da entidade nacional, que teve de deu• a sua opinião. Quando a fusão estiver concluída, “a Liberty Seguros absorverá a
actividade de seguros da Liberty Portugal”. `A actividade transferida será exercida pela Liberty Seguros em Portugal com base na liberdade de estabelecimento, através de unia  sucursal”, adianta a instituição.

A Liberty Portugal acaba, com todos os direitos e obrigações a passarem para a casa-mãe, em Espanha. C) projecto de fusão assegura que não há impacto para os trabalhadores, ainda que um dos sindicatos do sector, o Sinapsa. tenha reunião marcada esta semana com a administração. “Os trabalhadores da Liberty Portugal ficarão, na sua totalidade, sujeitos ao regime e às condições de trabalho que lhes são aplicáveis actualmente”, explica o documenta, trabalham 543 funcionários na Liberty Portugal.

Nova liderança
Com esta mudança, a supervisão prudencial cia actividade da Liberty em Portugal passará a ser feita pelo regulador espanhol, onde está a sede da companhia. A portuguesa ASF deixa de ser a responsável, como até aqui. Da mesma forma, as contas da Liberty Portugal passam a integrar por completo a operação espanhola. Antes de concretizada a mudança, José António de Sousa, que liderava a seguradora desde 2003. ano em que foi aberta a filial, saiu de  funções. A saída deu-se no tini de Maio. Ao contrário de uma seguradora de direito nacional, a sucursal não contará com uma administração) própria. Ao Negócios, o porta-voz oficial da Liberty Seguros explica que Rogério Bicho, administrador e até aqui director comercial, será o mandatário geral da Liberty Seguros em .Portugal

Deixe uma resposta